Governo Federal não consegue distribuir vacinas enquanto casos de dengue e mortes avançam

Editoria Destaques (4 posts pequenos) Home Política

O Ministério da Saúde informou que este ano pode registrar mais de 4 milhões de casos de dengue. Só nas quatro primeiras semanas do ano, o país já contabiliza um acumulado de 217.841 casos prováveis da doença. Até esta terça-feira (30) 15 mortes já foram confirmadas e 149 são investigadas. Mas a vacina só deve começar a ser distribuída para a população na segunda metade do mês que vem, embora ainda não haja certeza.

O ministério já avisou que não conseguiu comprar dose para todo mundo porque o laboratório que produz a vacina não tem capacidade para atender a demanda. Devido ao cobertor curto, no Estado do Rio apenas 12 cidades vão receber o imunizante, talvez nem todas elas. Os imunizantes serão aplicados apenas em crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, faixa etária que concentra um dos maiores números de hospitalizações. 

A ministra da Saúde, Nísia Trindade, alegou que as doses ainda não começaram a ser entregues em razão de uma exigência que tem que ser cumprida pelo laboratório Takeda, responsável pela produção do imunizante: as bulas terão que estar em português. “A partir do momento em que seja solucionada essa questão, essa é a nossa previsão. Não haverá por que ter mais delongas”, disse a ministra.

*imagem Divulgação/Prefeitura de Dourados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *